Amsterdam #post dica

A primeira coisa que fizemos à chegada a Schipol foi dirigirmo-nos ao guichet de turismo/informações para comprar o Iamsterdam city card.
O Iamsterdam city card pode ser tirado para 24h, 48h ou 72h e permite para além de andar nos transportes públicos (tram e bus) da cidade, entrar em dezenas de museus e atracções espalhadas por toda a cidade, para além de oferecer descontos em muitos cafés, restaurantes e outras actividades.
Havia muita informação na internet acerca do cartão e das opções que oferecia (podem ver aqui) e também tínhamos lido bastantes relatos de pessoas satisfeitas com a compra pelo que decidimos arriscar.

Pelo cartão de 72h pagamos 62 euros e visitamos:
– Museu Van Gogh, 15€
– Museu da Tulipas, 6€
– Museu de Arte Moderna, 20€
– Casa Van Loon, 8€
– Museu Judaico e Sinagoga Portuguesa, 12€
– Nieuwe Kerk, 15€

Aqui já vão 61€ mas ainda tivemos direito a:

– Passe de três dias para os transportes.
– Abre-cápsulas na Heineken Experience, uma sandes de croquete perto da Rembrandtplein e um café americano no La Place Restaurant perto do mercado das flores.
– E ainda fizemos uma passeio de barco pelos canais com a Blue Boat Company.

Estas foram as nossas escolhas, mas não refletem nem metade das oportunidades que o I amsterdam oferece. Vejam a lista com cuidado antes de fazerem as vossas opções.

No final o balanço foi positivo e valeu a pena o que pagamos pelo city card. Aconselho antes de irem a fazer uma lista do que querem visitar e a ter em conta onde fica o vosso hotel e que transportes vão usar. Se acharem que só querem visitar um ou dois museus e que o hotel é bastante central, que vão na Primavera ou no Verão e que até vai estar bom tempo, não é uma boa opção. É fácil chegar a pé a todo o lado em Amesterdão e se os dias estiverem bonitos e forem grandes fazem tudo sem precisar de recorrer aos transportes nas calmas.
Mas se por outro lado são viciados em museus, igrejas e outras atracções, querem muito ver tudo o que a cidade tem para oferecer e se forem no Inverno como nós, dias pequenos e tempo incerto em que os transportes podem dar um enorme jeitaço, não pensem duas vezes e comprem o City Card, valeu muito a pena em relação ao que queríamos fazer. 🙂

Dado muito importante, o passe para os transportes oferecido pelo Iamsterdam é apenas para a cidade, não serve para fazer o trajecto para Schipol, ao contrário do que li em alguns blogues e reviews. Têm que tirar um bilhete destes amarelos que custam 4,40 euros para cada lado.

Planeia a tua viagem!

Se quiseres planear a tua viagem de forma independente, tal como eu faço, usa os links que deixo abaixo.
São parceiros de confiança, podes conseguir alguns descontos, e ajudar-me a manter o blogue. Obrigada!

  • Reservas de alojamento em Booking.com
  • Procura o melhor tour/passeio para explorar o destino pretendido em GetYourGuide

Qualquer dúvida, manda-me um mail e posso ajudar no que precisares.

*Esta publicação contém links afiliados

Leave a Reply

Planeia a tua viagem! Se quiseres planear a tua viagem de forma independente, tal como eu faço, usa os links que deixo abaixo. São parceiros de confiança, podes conseguir alguns descontos, e ajudar-me a manter o blogue. Obrigada! - Reservas de alojamento em Booking.com - Procura o melhor tour/passeio para explorar o destino pretendido em GetYourGuide Qualquer dúvida, manda-me um mail e posso ajudar no que precisares.