MEO Marés Vivas

Mais um fim-de-semana e mais um concerto. Desta vez o que me levou ao Marés Vivas foi o Sting, pois claro. Andava há que tempos para tentar vê-lo (e ouvi-lo), já esteve por diversas vezes em Portugal, e nunca tinha conseguido. Por isso quando descobri que ia estar aqui tão perto nem pensei duas vezes, comprei o bilhete para aí em Fevereiro.

Para além de ser estreia a ouvir Sting, foi estreia neste festival, que apesar de ser quase à porta de casa nunca tinha ido. O sítio é inacreditavelmente bonito, na Praia do Cabedelo, na Foz do Douro em Gaia, mas tem que sair de lá com urgência, não tem capacidade para os 25 000 bilhetes que foram vendidos. Andamos a noite toda aos encontrões, havia filas para tudo, e se houvesse ali algum stress acho que metade da malta caía ao rio.

Read more