Meandro del Melero | Castilla y Léon

Os dos passeios que tinha previsto para os dias em que andamos de roadtrip pelas Españas era a subida ao Miradouro que permite ter uma vista de muitos graus do Meandro del Melero, a famosa curva do Rio Alagón. A surpresa (pouco surpreendente) não podia ter sido maior.

Claro que com o tempo que estava, estávamos a bufar com mais de trinta graus no início de Outubro, já não íamos com grande esperança de ver o rio cheio de água, a seca não está só do lado de cá da fronteira e já estávamos a contar com o cenário com que nos deparamos.  Mas depois de ver imagens como estas no google, custa sempre chegar lá e constatar que a seca é mesmo a sério.

O passeio foi muito giro, a Serra circundante é muito rica em vegetação, ao contrário da zona mais Sul de onde vínhamos, e passamos por zonas muito simpáticas e remotas. Se quiserem fazer o mesmo passeio, saibam tem têm de cruzar a Sierra de Francia até à zona de fronteira entre a Extremadura e Castilla y Léon. A estrada que segue (e sobe!) até ao miradouro tem de ser apanhada na aldeia de Riomalo de Abajo, que não tem praticamente nada para além de meia dúzia de casa, um parque de campismo e umas banquinhos à beira de um riacho – que também estava seco, mas onde conseguimos fazer um bom pic-nic à sombra.

O Mirador de Riomalo fica ainda na região da Extremadura, mas o centro do Meandro já pertence a Castilla y Léon, o rio Alagón é aqui a fronteira entre as regiões.
Foi um passeio diferente, que pôs à prova o meu Micra (o caminho chega a meio e começa a parecer péssimo, vão pensar em deitar as mãos à cabeça e a achar que deviam ter ido de jeep, mas afinal acabam por chegar ao destino e no miradouro até há zona de estacionamento, nada temam!), e que recomendo. Se possível num dia com mais água!

Leave a Reply