Querido Pai Natal… #3

Querido Pai Natal,

Cá estou eu de volta com mais um capítulo da minha carta de 2018.  Desta vez envio a minha listinha de pedidos de leituras. Os livros continuam pela hora da morte, 20 euros por um livro que se lê em duas ou três semanas é muita massa. E estou mesmo a precisar de abastecer para as leituras de 2019.

Também me vais falar do kindle? Pois, eu sei que pode ser uma grande ideia, e que posso levar os livros todos comigo de uma vez, e que não pesa, e que os livros são mais baratos. Mas não sei se estou preparada. Porque se os clássicos são gratuitos, é uma bela opção, os outros livros não. E eu confesso que não sei se consigo dar 5 euros por um livro no qual não consigo pegar, que não ocupa espaço na prateleira. É quase como se estivesse a ler um livro emprestado, o objeto não é meu. E eu ainda sou uma velha do restelo. Acho que vou acabar a dar os 20 euros pelos livros com o kindle pousado em casa. Veremos se em 2019 perco a cabeça. Para já faço uma lista que se apalpe que se veja.

     

       

Acho que não requer muitas explicações, verdade? Tirando o Roughguide da Namibia que só podem comprar online ou no estrangeiro, todos os outros estão disponíveis nas Bertrands, Wooks ou FNACs desta vida. Portanto é difícil ser mais simples. Botem-lhe um talão de troca dentro, não vão escolher todos o mesmo livro – não ia ser a primeira vez – e voilá. Fazem aqui a pessoa feliz.

Espero que esta missiva já te encontre a caminho das chaminés deste mundo.
Beijinhos para ti e para as renas e anda devagarinho. Cuidado com os radares, não escapa nada, nem trenós,

Inês

Deixo-vos aqui as primeiras partes desta carta 🙂

(+) Querido Pai Natal #1

(+) Querido Pai Natal #2

 

 

Leave a Reply