O ano em viagens | 2020

Antes de passar para o papel as viagens de 2020 ponderei nem chegar a escrever este post. A Covid19 atropelou-nos a todos e o ano foi esquisito, para não dizer pior. Mas isto já se tornou uma tradição aqui no estaminé, e resolvi que era para manter, mesmo nos momentos menos bons. Cheguei ao fim e percebi que dentro do cenário dantesco que assombrou o mundo até me fartei de passear – mesmo que a partir de um certo ponto não tenha dado para mais do que explorar o nosso país. Fica o meu ano em viagens!

Fevereiro

Líbano e Turquia
Foi a única viagem internacional do ano, o sexagésimo carimbo no meu passaporte (Líbano) mas valeu por tudo e fez 2020 valer a pena.
O Líbano estava na minha lista há bastante tempo. Com todos os conflitos sociais que assolavam o país na época, a viagem esteve por um fio mas resolvi seguir em frente, e nem por um minuto me arrependi. A-do-rei cada recanto do país e das suas gentes. Depois da catástrofe que se abateu sobre Beirute no verão percebi que estive lá no timing perfeito… e espero voltar em breve.
A Turquia foi “engatada” a trabalho vinda direta do Líbano, estive na zona de Izmir, e para além dos motivos que me levaram até la consegui conhecer as ruínas de Ephesus, na lista há já algum tempo.

(+) O que ver e fazer em Beirute

Junho

Estava dado o pontapé de saída para a retoma da vida dentro de portas, Portugal abria aos poucos e chegava a alforria. A @abvp lançou o desafio #EuFicoEmPortugal e eu atirei-me de cabeça.

Aveiro e Albergaria-a-Velha
Nos feriados da primeira quinzena do mês fui ter com a Raquel e o Tiago do @365diasnomundo e estivemos dedicados à água, exploramos um pouco da Ria de Aveiro e a Rota dos Moinhos de Albergaria-a-Velha.

Viana do Castelo, Caminha e Vila Nova de Cerveira
No fim-de-semana seguinte eu não saí de casa, mas eles vieram ter comigo e andamos a redescobrir o Alto-Minho.

Estrada Nacional 103
A convite do Turismo do Porto e Norte, no fim do mês parti com um grupo de bloggers da @abvppt para a região de Bragança onde começamos a percorrer a EN 103. Foram quatro dias para conhecer algumas zonas mais isoladas de Trás-os-Montes, com muito para oferecer. Andamos por Rio de Onor, Bragança, Vinhais, Boticas e Montalegre, antes de regressar ao Minho e terminar em Ponte da Barca, Arcos de Valdevez e Ponte de Lima.

(+) Um dia na Ría de Aveiro

(+) Rota dos Moinhos | Albergaria a Velha

(+) Estrada Nacional 103

Agosto

Macedo de Cavaleiros
As férias de Agosto levaram-me de regresso a Trás-os-Montes, desta vez para visitar uma amiga em Macedo de Cavaleiros. Foi a oportunidade perfeita para explorar o concelho, famoso pelas suas praias fluviais na Albufeira do Azibo e pelos caretos de Podence.

Lisboa, Estuário do Sado e Sintra
Mais uma escapadela de Verão, desta vez até à capital. Voltei a juntar-me à Raquel e ao Tiago e resolvemos fazer programas de dia inteiro a partir de Lisboa. Passamos um dia de papo para o ar na ilha de Tróia, exploramos a zona da arrábida e comemos choco frito e ainda voltamos à serra de Sintra, para visitar o Palácio da Pena. E claro, também deambulamos pelos clássicos da capital.

Estrada Nacional 02
Entre várias idas e vindas, e aproveitando algumas das outra viagens que fiz, decidi que já que o ano era dentro de portas, ia aproveitar para percorrer os 738 km da mítica EN 02. Não consegui fazer tudo de uma única empreitada, mas valeram a pena os quilómetros rodados entre Chaves e Faro – uma oportunidade única para olhar para Portugal com outros olhos, longe do turismo de massas, e numa versão mais genuína.

(+) O que ver e fazer em Macedo de Cavaleiros

Outubro

Ribeira de Pena
Estavam quase a trancar-nos em casa de novo, o Inverno a começar a dar um ar de sua graça, por isso nada melhor para aproveitar o último fim-de-semana prolongado em liberdade para uma escapadela. Desta vez para relaxar, descansar e comer melhor ainda, o destino foi Ribeira de Pena. Ainda deu para passear um pouco e conhecer Fisgas de Ermelo no parque nacional do Alvão.

(+) Escapadinha a Ribeira de Pena

Dezembro

Estrada Nacional 02
Este era o objetivo de 2020 e temi não consegui cumpri-lo, mas no único fim-de-semana de alforria de Dezembro, fiz-me à estrada e completei os 130km que me faltavam. Missão dada é missão cumprida – foi uma experiência ótima que recomendo.

Águeda e Pateira de Fermentelos

Antes de voltar a casa para a época festiva voltei a combinar com a Raquel e o Tiago uma troca de compotas e votos de Boas Festas no centro de Portugal. Foi um passeio rápido mas bem bom, o melhor que se arranjou para substituir os mercados de natal da Europa, fechados por motivos pandémicos. Conheci as famosas decorações de Natal de Águeda e passeamos e almoçamos no meio da natureza, na Pateira de Fermentelos, a maior massa de água doce da Península Ibérica.

Estou pronta para encarar 2021!

(+) Ano em Viagens | 2019

(+) Ano em Viagens | 2018

(+) Ano em Viagens | 2017

Planeia a tua viagem!

Se quiseres planear a tua viagem de forma independente, tal como eu faço, usa os links que deixo abaixo.
São parceiros de confiança, podes conseguir alguns descontos, e ajudar-me a manter o blogue. Obrigada!
- Faz as tuas reservas de alojamento em Booking.com
- Procura o melhor tour/passeio para explorar o destino pretendido em GetYourGuide
- Pede já o teu cartão Revolut sem custos, e fica isento de taxas e comissões em pagamentos e levantamentos de dinheiros noutras moedas
- Faz o teu Seguro de Viagem antes de partir, oferecemos 5% de deconto através da IATI Seguros


Qualquer dúvida, manda-me um e-mail e posso ajudar no que precisares.
*Esta publicação contém links afiliados

2 Comments

  1. Raquel Morgado

    December 27, 2020 at 8:44 pm

    Foste aos Grandes Lagos da Peninsula Ibérica, não te enganes.
    Foi bom partilhar alguns dos destino contigo.
    2021 cá estaremos para ti!!!

    1. Inês

      December 29, 2020 at 8:39 am

      Claro, os grandes lados. que cabeça a minha.
      Que 2021 nos traga mais planos de viagem partilhados! Obrigada pela companhia 🙂

Leave a Reply