8 coisas a não perder em Nova Iorque

Considerada muitas vezes como a capital do ocidente, apesar de nem capital do seu próprio país ser, Nova Iorque é um dos principais destinos turísticos do mundo. A cidade possui incontáveis locais de visita que valem a pena pelo seu carácter histórico ou beleza arquitetónica, no entranto para uma visita curta, não é possível conhecê-los todos. Mas, diante de tantos pontos turísticos na Big Apple, quais são os imperdíveis? Se estão a caminho da cidade para uma escapadinha de fim-de-ano, aqui ficam as minhas sugestões que simplesmente não podem ficar de fora de nenhum roteiro de viagem: 8 coisas a não perder em Nova Iorque!

Times Square

Em primeiro lugar da nossa lista, temos a emblemática praça de Times Square, que nada mais é que a confluência entre a 7ª avenida e a Broadway, duas das principais avenidas de Manhattan. Este local é conhecido por abrigar diversos estabelecimentos importantes e letreiros de propaganda gigantes, néons, formando assim uma atmosfera cosmopolita conhecida em todo o mundo. A Times Square é ainda um local bastante agitado e sempre cheio de pessoas, clima ideal para quem gosta de observar o bulíço das cidades grandes. Bem no centro de Manhattan, este é o vosso ponto de partida para conhecer a cidade. Para além disso alberga um dos mais famosos Reveillon do mundo, com a sua bola gigante a subir nos céus às 00:00 na viragem do ano.

Estátua da Liberdade

Dentre tantos locais turísticos que existem em Nova Iorque, é inegável que a Estátua da Liberdade é, se não o principal, o mais famoso de todos. A estátua foi originalmente construída em França e enviada aos Estados Unidos desmontada. O monumento foi um presente dos franceses quando os EUA completaram 100 anos de independência. Para chegar à ilha onde se encontra a Estátua da Liberdade é preciso apanhar uma pequena embarcação que sai da extremidade da ilha de Manhattan até Liberty Island.
Todo o esforço (e tempo) para ver esse símbolo americano valem a pena, já que para além da visita à estátua em si, podem desfrutar de uma vista única da silhueta da cidade.. Entre outras coisas, é possível explorar a ilha, que contém alguns outros monumentos, e entrar na estátua para conhecê-la por dentro.

Empire State Building

O terceiro elemento da nossa lista que aponta pontos turísticos que não podem deixar de ser visitados em NY, não podia deixar de ser o Empire State Building, um dos mais conhecidos edifícios nova-iorquinos. Inaugurado ainda em 1931, o prédio tem uma arquitetura peculiar e é muito alto. Inclusive, por várias décadas o State Building foi considerado o prédio mais alto do planeta. Ao todo, são 102 andares do edifício que já apareceu em diversos filmes famosos de Hollywood. A entrada para o observário dos pisos superiores é paga, mas vale cada cêntimo. As fotografias aréas da cidade são incríveis, e a minha sugesão é que subam ao final do dia, para terem a versão dia e noite da paisagem.

Central Park

Localizado bem no centro de Manhattan, provavelmente o mais famoso parque do mundo, é a maior e mais importante área verde da cidade.
Dentro do perímetro do parque existem restaurantes, museus, quiosques e, é claro, enormes zonas arborizadas, lagos, relvados e outros locais com vegetação que são ideais para um delicioso passeio ao ar livre ou para a prática de desporto.
Nesta época do ano pode ser uma boa aposta visitar também a pista de patinagem no gelo que o cinema tornou famosa, ao longo dos outros meses deixem-se vaguear pelo parque e passem também em Strawberry Fields, o memorial a John Lennon, que viveu lá perto.

Memorial 11 de Setembro

Apesar da motivação menos feliz, o Memorial do 11 de Setembro é um lugar que gostaria de visitar e que incluo nesta lista. Este ponto turístico foi erguido no mesmo local onde ficavam as Torres Gêmeas, destruídas nos ataques terroristas de 11 de Setembro de 2001.
Hoje em dia é possível visitar um monumento em homenagem às pessoas que morreram durante a queda das torres, além de um museu, que fica na parte subterrânea, onde estão expostos artefatos, objetos e alguns memoriais descritivos da tragédia.
A última vez que estive na cidade, o Ground Zero ainda se encontrava em obras. Espero em breve poder regressar.

Metropolitan Museum of Art

Conhecido apenas pela sigla MET, o Museu Metropolitano de Arte de Nova York é outra paragem obrigatória para quem quer fazer uma visita completa à Big Apple.
Inatalado num edifício histórico, famoso pela sua escadaria, numa as laterais do Central Park, aqui é possível ter acesso a um acervo de obras de arte, relíquias e artefatos históricos que contam com mais de 2 milhões de peças. Por todo o seu legado, o MET é considerado um dos mais importantes museus do mundo. Para visitar o Museu Metropolitano de Arte de forma mais simples, e garantir entrada no dia e hora desejado, podem comprar os bilhetes com antecedência nesta página de reserva de bilhetes.

Ponte de Brooklyn

O penúltimo ponto turístico da nossa lista é a Ponte do Brooklyn, mais um famoso cenário de filmes de Hollywood. Com cerca de 1,8 km de extensão e inaugurada ainda em 1833, a ponte mais famosa da cidade liga Manhattan ao bairro do Brooklyn, que também vale a pena visitar numa estadia mais prolongada. A Ponte do Brooklyn possui várias faixas de rolagem para diferentes tipos de veículos, mas contém uma passagem para que pedestres e ciclistas no tabuleiro superior. Iniciem o percurso no Pier 17 e aproveitem para percorrer a ponte, tirar algumas fotos e aproveitar a vista.

Quinta Avenida

The last but not the least, a Quinta Avenida. É aqui que vale a pena deambularem e se perderem sem tempo contado, ao longo dos seus muitos quilómetros há várias atracções, a Biblioteca, a Catedral, várias das lojas mais famosas da cidade (como a Tiffany’s) e o Rockfeller Center. Nesta época do ano as decorações valem imenso a pena, mas aperciar os nova iorquinos nas ruas é uma atração para o ano todo. Parem num Starbucks, deixem-se ficar só a ver a vida (e os táxis amarelos) passar.

Tenho a certeza que se incluirem na viagem estas 8 coisas a não perder em Nova Iorque, a viagem já vai ter valido a pena. Claro que com tempo, há uma imensidão de outra opções para visitar.
Abaixo um roteiro que organizei já há alguns anos, mas que pode ajudar a otimizar tempos e deslocações.

(+) Roteiro de 3 dias em Manhattan, Nova Iorque

. . .

Planeia a tua viagem!

Se quiseres planear a tua viagem de forma independente, tal como eu faço, usa os links que deixo abaixo.
São parceiros de confiança, podes conseguir alguns descontos, e ajudar-me a manter o blogue. Obrigada!

- Faz as tuas reservas de alojamento em Booking.com
- Faz as tuas reservas de automóveis em DiscoverCars

- Procura o melhor tour/passeio para explorar o destino pretendido em GetYourGuide
- Faz o teu Seguro de Viagem antes de partir, oferecemos 5% de deconto através da IATI Seguros


Qualquer dúvida, manda-me um e-mail e posso ajudar no que precisares.
*Esta publicação contém links afiliados

Leave a Reply