Day tour a partir de Jerusalém | Massada, Ein Gedi e Mar Morto

Pensavam que eu me tinha esquecido da última viagem de 2017, nada disso. É verdade que tenho imensos posts perdidos no túnel do tempo, mas eles eventualmente vão sair e portanto aqui está mais um. A partir de Jerusalém é possível visitar diferentes zonas de Israel e da palestina, já que a área territorial não é grande e é fácil chegar a qualquer lado na região. Como os dias estavam limitados tivemos que tomar opções e para além do dia de visita à palestina, em que estivemos em Ramallah e Belém, fomos um dia em direção a sul, ao deserto da Judeia, onde visitamos um dos locais apontados para o batismo de Jesus, fomos às ruínas da fortaleza de Masada, ao oásis de Ein Gedi, e ainda acabamos o dia a bóiar nas águas do Mar Morto. Mais um objetivo de vida cumprido.

Read more

Make love, not walls! | Cisjordânia

Uma das “atrações” turísticas ao redor de Jerusalém, quando percorrem os territórios próximos da Cisjordânia é o muro de separação entre os territórios. Ele está presente em todo o lado, cria verdadeiros guettos e chamar-lhe atração é sempre complicado, mas foi mais ou menos isso o que se tornou, principalmente pelos seus grafitis de intervenção que se tornaram mais famosos devido à divulgação feita pelo artista britânico Banksy.

Read more

Ramallah | Cisjordânia

Os acontecimentos recentes fizeram-me voltar aos posts sobre o Médio Oriente, e depois da passagem pelo Muro das Lamentações no início da semana, tínhamos que vir até ao outro lado da barricada – infelizmente num sentido quase literal – e chegar à Cisjordânia. Este era uma dos passeios mais aguardados da viagem, talvez não seja aquilo que muitos chamam de bonito, mas foi sem dúvida o mais marcante de toda a estadia na Terra Santa. Hoje mostro-vos Ramallah, a sede da Autoridade Palestiniana na Cisjordânia.

Read more

Bairro Judeu | Muro das Lamentações | Jerusalém

Comemora-se hoje o septuagésimo aniversário da fundação do Estado de Israel, e para não deixar passar em branco a data simbólica os EUA decidiram juntar-se à festa e oficializar hoje a transferência da sua embaixada de Telavive para Jerusalém. À hora que vos escrevo já morreram dezenas de pessoas em Gaza e algumas centenas ficaram feridas na resposta israelita às contestações palestinianas. Este é o mundo em que vivemos e a solução para tudo isto não só não está à vista, como parece cada dia mais distante.

Read more

Seguindo os mesmos passos de Jesus, a Via Dolorosa | Jerusalém

Jerusalém era uma das cidades no mundo que mais curiosidade me despertava. Mesmo para uma ateia como eu (ou talvez precisamente por causa disso) imaginar o lugar que, durante milénios, teve o papel mais importante na construção e nos moldes pelos quais se rege a sociedade ocidental, tal como a conhecemos, é impressionante. É demasiada história universal, ponto de cruzamento fundamental das três principais religiões monoteístas, para nos ser indiferente.

Read more

Roteiro de 1 semana na Terra Santa!

No final de 2017 rumei à Terra Santa com um simpático grupo de viajantes da Magellan Route, que acompanhei como líder de viagem, na descoberta de Israel, da Jordânia e da Palestina. Foram dias cheios, com novos lugares, novas pessoas, novas descobertas. Muito ficou por ver, porque 8 dias nunca chegam para tudo o que queremos, mas aqui fica o nosso roteiro, que espero que possa inspirar-vos a conhecer também uma das regiões com maior peso histórico neste nosso planeta.

Read more

Israel e Petra, quem se junta a nós?

Contei-vos a semana passada do novo projecto em que estou envolvida, a Magellan Route, e disse-vos que o roteiro de Israel e Jordânia vai ser aquele que vou liderar já no final deste ano.
“Palco principal das três religiões monoteístas (Judaísmo, Cristianismo e Islamismo), a Terra Santa engloba, hoje em dia, territórios pertencentes a Israel, à Palestina, à Jordânia e ao Egipto. São várias as razões que te podem levar até lá, mas sejam elas a fé religiosa, a importância histórica ou o impacto dos conflitos políticos que gera, esta será – sem dúvida – a viagem de uma vida.”

Read more

Istambul #5 – O melhor de tudo o resto…

Tenho que começar pela comida, só os sumos e as frutas frescas já dão vontadde de mudar definitivamente para a Turquia. Eu adoro frutas e sumos dos mais básicos aos mais exóticos, e nessa área, aquilo é o paraíso. Para além disso toda a outra comida é bastante parecida com aquilo que estamos habituados, com um sabor bastante mediterrâneo. Refugados de todo o tipo e feitio, muita carne kebab e temperos bem puxadinhos, como se quer. Havia bancas de vendedores ambulantes a vender sumo de romã e laranja por todo o lado. Uma pequena amostra de uma montra gigante de comida, onde jantamos… …este kebab acabadinho de cortar. Toranja e Romã: Os Sumos perfeitos. Cenoura: Ok, este nem consegui acabar, mau demais.   Mãça e Limonada: Recomendo Com lugar de destaque, a melhor omelete que já comi na vida! O vermelho e verde é uma mistura das famosas especiarias turcas, fica de comer e chorar por mais.  Outra experiência imperdível numa viagem a Istambul é sem dúvida atravessar, a pé, a ponte Galata. Podem encontrar de tudo por lá… Desde pescadores que noite e dia se junto em toda a extensão da ponte com as suas canas de pesca sempre prontas, seja para um robalo ou uma bota, passando pela quantidade enorme de cafés e restaurantes que se acumulam no andar mais baixo da ponte até a um casal de noivos a dançar pela ponte fora, aparentemente a gravar algum spot publicitário. Vale a pena passar com calma, para ambos os lados e apenas disfrutar… De resto, é andar livremente e curtir o espírito da cidade, sem pressas. E ir apreciando todos estes momentos. A imagem mais Americana de Istambul. Praça Taksim  O fim da linha. Eléctrico Taksim – Túnel Torre Galata Cisternas Os famosos banhos turcos Os gatos, aos milhares por toda a cidade.

Read more